skip to Main Content

Comportamento do consumidor: as principais mudanças na era digital

Neste post, apresentaremos as principais características desses potenciais clientes que modificam a lógica do seu negócio.

As transformações digitais vêm modificando não somente o marketing e a forma de se fazer negócios, mas também o comportamento do consumidor.

Entender essas mudanças nos hábitos dos consumidores ― que passaram das tradicionais pesquisas de preços em lojas físicas às compras no mercado online ― é essencial para o sucesso do seu empreendimento. A própria visibilidade da sua marca depende de uma boa compreensão a respeito dos compradores digitais.

Neste post, apresentaremos as principais características desses potenciais clientes que modificam a lógica do seu negócio. Ficou interessado no assunto? Continue acompanhando para conferir!

Compra cada vez mais online

Se as compras online já causaram bastante desconfiança no passado, hoje a realidade é outra. Segundo estudo do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), publicado em julho de 2017, 99% dos internautas realizaram, pelo menos, uma compra online no último ano antecedente à pesquisa. Impressionante, não?

Usa dispositivos móveis

A mesma pesquisa revela que mais da metade dos internautas já fez compras por meio de dispositivos móveis, sendo essa uma tendência.

Além da praticidade que você precisa oferecer ao consumidor, é necessário tornar o seu site compatível a esses aparelhos. Inclusive, o Google ranqueia melhor em seus resultados de busca as páginas que seguem essa configuração “amigável” a dispositivos móveis, garantindo, assim, maior visibilidade a uma marca.

Sua plataforma digital precisa se adequar a essa realidade, não se esqueça disso!

Pesquisa antes de comprar

O consumidor online pesquisa antes de comprar e dispõe de uma infinidade de fontes de informação na internet. Mas não são apenas os preços que importam nesse cenário: as opiniões compartilhadas por quem já experimentou o produto também são fundamentais.

Os consumidores têm, dessa forma, um alto poder de recomendação online da sua marca. Não basta deixá-los satisfeitos com o produto e com o atendimento. Sua empresa precisa saber monitorar esse compartilhamento de avaliações pessoais, utilizá-las para criar metas e estratégias e aprender a gerir possíveis crises de insatisfações.

Prefere atendimento personalizado e variado

Uma das coisas que mais irrita um consumidor é falar com um robô ou com um atendente que utiliza verbos no gerúndio, não é mesmo? Mas é fácil fugir dessa velha estratégia. A variedade de ferramentas disponíveis para o atendimento é grande: telefone, e-mail, redes sociais, chat online e aplicativos de mensagens instantâneas são alguns dos exemplos.

Além de fornecer uma variedade de formas de contato, integrar essas ferramentas permite ao consumidor economizar tempo. A agilidade se soma a outra exigência dos compradores digitais: a comunicação personalizada e informal. O consumidor prefere saber que está falando com um “amigo” que entende seus problemas. A própria conversação via chats instantâneos facilita essa nova estratégia.

Todas essas transformações no comportamento do consumidor na era digital devem estar em pauta no momento de repensar o relacionamento da sua empresa com os clientes.

E algo fundamental: lembre-se de que os usuários na internet estão cada vez mais segmentados e conhecê-los é a chave para sucesso da sua empresa.

Você precisa analisar o comportamento dos seus consumidores, considerar os feedbacks que eles deixam e aprender a descobrir tendências nas avaliações e nas exigências realizadas. Além disso, adaptar o seu site e criar rotinas de comunicação personalizadas é essencial.

Gostou deste post? Assine nossa newsletter e aprenda como colocar em prática essas adaptações ao comportamento do consumidor digital!

Back To Top